Conheça as finalistas do Prêmio Mulheres Tech em Sampa

Prêmio Mulheres Tech em Sampa_3

Dez projetos foram escolhidos para participar da final que acontecerá no 41º Café com Empreendedoras, no 11 de dezembro. As cinco vencedoras ganharão 10 mil reais cada para desenvolver seus projetos

A segunda edição do Prêmio Mulheres Tech em Sampa, divulgou nesta semana as dez finalistas da competição. Os cinco projetos vencedores serão escolhidos e divulgados no 41º Café com Empreendedoras – edição especial Mulheres e Tecnologia , evento que ocorrerá no dia 11 de dezembro, no auditório do Google em São Paulo.

A premiação foi criada para incentivar a atuação de mulheres na área de tecnologia, com o apoio da Rede Mulher Empreendedora (RME), Google For Entrepreneurs e Tech Sampa, política da Prefeitura de São Paulo de fomento a novas empresas de tecnologia.

As ganhadoras receberão 10 mil reais cada, num total de 50 mil reais, além de um ano de mentoria com a Rede Mulher Empreendedora.

Os projetos finalistas são coordenados por mulheres e  têm como objetivo geral estimular o empreendedorismo feminino com foco em tecnologia. A ideia é que as iniciativas ajudem a é ampliar a participação de mulheres no ecossistema de startups da cidade durante o ano de 2016.

Os projetos finalistas são:

  • Academia Lovelace – proposto por Letícia Santos e Jean Lima, o projeto consiste em um curso online de programação, com módulos presenciais. Ao final do curso, como experiência prática, as alunas construirão projetos de tecnologia para entidades sem fins lucrativos;
  • As aventuras de Meg Margadinória no Reino das Formigas – proposto por Tatiana Barros, o projeto visa incentivar, através de um jogo de tabuleiro, o interesse e a habilidade de meninas do Ensino Fundamental I em competência lógico-matemáticas, afastando o estereótipo de que matemática é coisa de menino;
  •  Conectando empreendedoras negras – proposto por Fernanda Ribeiro, o projeto consiste no desenvolvimento de um aplicativo que tem como objetivo integrar mulheres negras empreendedoras, considerando o contexto atual, no qual as mesmas não se sentem integradas em outras redes por falta de representatividade;
  •  Curso PrograMaria: EuProgrAMO – Introdução à lógica de programação e desenvolvimento web – proposto por Iana Chan, o projeto consiste em um curso presencial de programação para mulheres, com carga horária de 32 horas, além da criação de uma rede de mulheres na tecnologia e banco de talentos;
  • Gênero e poder – Oficinas de feminismo, comunicação nas redes e engajamento social para meninas – proposto por Martha Lopes e Marcela Chartier o projeto tem o objetivo de instrumentalizar meninas de 14 a 20 anos com ferramentas de comunicação em rede e produção de conteúdo online, a fim de que tenham autonomia no espaço virtual e possam desenvolver projetos digitais e campanhas sociais.
  •  Marialab Hackerspace – proposto por Vanessa Tonini e Carine Ross, o projeto visa oferecer oficinas de capacitação em tecnologia para mulheres a partir de 14 anos, além de criar uma rede de apoio das participantes para troca de informações e ajuda;
  •  Meninas e mulheres na informática – proposto por Edcléia Aline Freitas, com o objetivo de ensinar lógica de programação e informática básica em CEUs e escolas públicas;
  • Portfolia: women in social business – proposto por Elena Crescia, o projeto visa construir uma plataforma digital de relacionamento e troca de aprendizados entre as mulheres fundadoras de negócios sociaisPyLadies São Paulo – proposto por Alini, Ceci, Erika e Pat, o PyLadies São Paulo pretende realizar ao menos nove cursos ao longo de 2016 para o ensino de programação para mulheres da cidade de São Paulo, utilizando a linguagem Python, incluindo um curso especialmente voltado para meninas de até 13 anos;
  •  Women Up Games – proposto por Ariane Parra e Juliana Batista, o projeto incluirá Game Days (campeonatos) temáticos para mulheres e palestras com o tema “mulheres nos games”.

Serviço:

Evento: Final do Prêmio Mulheres Tech em Sampa – 41º Café com Empreendedoras da RME

Local: Av. Brig. Faria Lima, 3477 – Itaim Bibi, São Paulo – SP

Horário: das 8h30 às 11h30

Inscrições esgotadas!

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *